fbpx

Por que gerar energia ajuda a fugir dos aumentos de luz?

Todos os residentes do país que são responsáveis por uma casa ou empresa são afetados pelo aumento do custo da eletricidade. Toda vez que sobe, afeta a todos. Uma diminuição na sua conta de eletricidade e bandeiras tarifárias é algo que você deve se esforçar. Saiba quanto lhe custará aproveitar a economia de gerar energia solar e a preservação do meio ambiente.

Para um determinado volume de energia, as tarifas de energia definem quanto é consumido, e quando seus preços aumentam, chamamos de inflação de energia.

Para saber “por que gerar energia te ajuda a fugir dos aumentos de luz?”, continue acompanhando nosso texto!

Luz e gás consomem mais da metade da renda de 46% dos brasileiros

Constatou-se que 22% dos brasileiros reduziram a compra de alimentos básicos para pagar a conta de luz, segundo levantamento do Instituto Clima e Sociedade para o Ipec.

Os brasileiros, principalmente os mais pobres, devem fazer sacrifícios significativos em função das crises hídrica e energética do país, das respostas do governo federal a essas questões e do aumento dos preços da eletricidade e do gás.

Em levantamento encomendado pelo Instituto Clima e Sociedade (iCS), o Ipec (Inteligência em Pesquisa e Consultoria) constatou que os gastos com gás e energia elétrica já representam metade ou mais da renda de 46% das famílias brasileiras, sendo que 10% comprometem quase toda a renda familiar, 12% mais da metade da renda familiar e 24% metade da renda familiar.

Metade dos brasileiros (49%) implementou atividades como tomar banho mais rápido e desligar as lâmpadas para economizar na conta de luz, enquanto 44% pararam ou reduziram o uso.

Aparelhos que consomem energia. Como resultado disso, 42% dos entrevistados substituíram suas lâmpadas por modelos mais eficientes em termos de energia e 23% começaram a limitar o uso de eletricidade nos horários de pico.

Há apenas 5% das pessoas que usam fontes renováveis ​​alternativas, como a solar, e 18% que não usam.

O aumento no preço do botijão do gás impacta bastante a população

De acordo com os resultados da pesquisa, 52% dos entrevistados disseram que o aumento de botijões pesava mais no bolso e 42% diziam que a energia elétrica pesava mais no bolso das três fontes de energia (elétrica, gás encanado, e cilindros).

Entre os brasileiros, um em cada dez agora cozinha com lenha, 6% com carvão e 4% com fogão elétrico.

A rotina diária das famílias foi interrompida em 2021 devido ao alto custo do gás e da energia. Além disso, mais da metade dos entrevistados (52%) sofreu uma interrupção no fornecimento de água no ano passado.

Impactos na vida do consumidor

Um efeito dominó se espalha por toda a economia à medida que o preço da eletricidade aumenta. A eletricidade acaba responsável pelo aumento ou não de produtos e serviços, já que ela está inserida em todas as etapas da formação de produtos e serviços.

Ninguém vai deixar de fabricar, oferecer serviços ou arrecadar dinheiro se não levar em conta o aumento do custo da energia elétrica. Como resultado, esse valor do aumento do custo da energia elétrica é repassado para o consumidor.

Dito de outra forma, o aumento do preço da luz tem impacto no custo de vida dos brasileiros, já que essa conta está incluída na lista de itens básicos, que são difíceis de pagar em tempos de crise econômica, com alto desemprego e salários em queda.

Os brasileiros têm uma taxa de 70% de endividamento, e muitos não conseguem pagar nem as despesas mais básicas, como energia elétrica. No futuro, também, eles continuarão na mesma direção.

Além da falta de empregos, baixa renda e custos crescentes, a economia está experimentando um aumento significativo nos preços. Como resultado, é provável que o número de brasileiros com endividamento só venha a aumentar.

Apoio a energias renováveis

As fontes de energia renováveis ​​obtêm amplo apoio do público de acordo com o estudo do Ipec. Mais de oito em cada dez pessoas querem vê-las ampliadas.

As energias renováveis ​​são percebidas como menos prejudiciais ao meio ambiente por 69% dos entrevistados, enquanto 64% acreditam que isso ajuda a criar empregos.

Metade dos entrevistados (50%) acha que as energias renováveis ​​são mais baratas do que as não renováveis, enquanto 31% acreditam o contrário.

As fontes de energia renováveis ​​são vistas favoravelmente pela maioria do público, com 59% dizendo que são tão confiáveis ​​quanto as fontes tradicionais e 25% dizendo que são menos confiáveis.

Por último, mas não menos importante, a pesquisa deste ano mostra que o povo americano quer que o suprimento de energia limpa do país seja expandido e eles acreditam que os candidatos presidenciais devem fazer disso uma alta prioridade em suas plataformas daqui para frente.

Mais de sete em cada dez brasileiros (77%) acreditam que os candidatos presidenciais devem se concentrar em ideias para aumentar o uso de energia renovável no país. E 81% dos eleitores acreditam que os candidatos devem dar grande valor às ideias que ajudariam a evitar futuras faltas de água.

A energia solar é a solução para fugir dos aumentos de luz

A energia solar é uma das melhores maneiras de evitar um aumento nos custos de eletricidade.

Como bônus, a energia solar não produz dióxido de enxofre, óxidos de nitrogênio ou dióxido de carbono, poluentes prejudiciais ao meio ambiente. Esses poluentes têm um impacto deletério na saúde humana e no clima.

Se você está procurando uma solução de longo prazo para seus problemas de energia, considere investir em uma fonte de energia renovável, como eólica ou solar.

Pelo menos 25 anos de luz restrita serão fornecidos por esta tecnologia de baixa manutenção. Os painéis solares normalmente se pagam em menos de quatro anos, em média.

Além disso, há benefícios fiscais para pessoas que usam energia renovável em casa ou no trabalho.

Algumas cidades brasileiras apresentam o programa IPTU Verde como ilustração disso.

Nesse cenário, um abatimento fiscal é concedido a um cidadão que realiza mudanças ecologicamente corretas.

Energia solar: regras que possibilitam gerar a sua energia e economizar 

Geração distribuída

Em 17 de abril de 2012, surgiu uma oportunidade mais firme para o Brasil produzir sua própria eletricidade.

Isso quer dizer que um conjunto de diretrizes para o segmento de geração dispersa foi implantado pela Aneel naquele ano.

Para atender às suas necessidades energéticas, qualquer pessoa (CPF ou CNPJ) desse segmento pode montar seu próprio micro ou minigerador.

A produção de energia é descentralizada por meio de um processo chamado “geração distribuída”, como o nome sugere.

Porque é feito na unidade consumidora ou próximo a ela (como uma residência).

Não há outras opções de alimentação desses geradores além das promovidas no segmento.

Desde a sua estreia, a energia solar dominou o mercado devido à sua vasta disponibilidade e às maiores vantagens da tecnologia fotovoltaica.

Os sistemas fotovoltaicos (PV) agora representam mais de 99% de todos os geradores conectados à rede (On-Grid).

Devido à natureza intermitente dessas fontes, foi projetado o sistema de compensação de energia elétrica.

Créditos energéticos

Os clientes que geram energia, mas não a utilizam, podem emprestá-la de volta às suas distribuidoras neste esquema, criando créditos de energia.

Em períodos de baixa ou inexistente geração de geradores, esses créditos são utilizados para equilibrar a energia utilizada pelo sistema de distribuição.

Da mesma forma que um sistema de energia solar carrega durante a noite.

A “troca” de energia entre o gerador e a rede é assim.

Os créditos gerados também podem ser utilizados para reduzir a quantidade de energia utilizada em outras propriedades.

Para isso, devem ser de propriedade da mesma empresa do consumidor e localizadas na mesma área das concessões da distribuidora.

Esses créditos também são reutilizáveis no futuro porque são válidos por 60 meses.

Continue nos acompanhando no blog, pois sempre trazemos um conteúdo novo relacionado ao universo da energia solar. Já pensou em instalar um sistema fotovoltaico? Tem mais dúvidas sobre o funcionamento, benefícios e payback? Fale com um dos nossos especialistas em energia solar e solicite seu orçamento sem compromisso.

Compartilhar:

Faça uma simulação