fbpx

Energia Solar: como funciona?

A energia solar fotovoltaica utiliza a luz solar para gerar eletricidade. O baixo custo inicial, a longa vida útil do equipamento e os benefícios ambientais muitas vezes superam o custo inicial, o que muitas vezes é um fardo para a maioria das pessoas. Mesmo em escalas menores, a produção ocorre em dias nublados. Portanto, não se preocupe com isso. A seguir, veja como funciona a energia solar de forma detalhada.

Boa leitura!

O que é a energia solar?
A princípio a energia solar fotovoltaica utiliza a luz solar para produzir eletricidade. O baixo custo inicial, a longa vida útil do equipamento e os benefícios ambientais muitas vezes superam o custo inicial, o que muitas vezes é um fardo para a maioria das pessoas. Mesmo em escalas menores, a produção ocorre em dias nublados. Portanto, não se preocupe com isso.

O que são placas fotovoltaicas?
O silício, um semicondutor, é utilizado em placas fotovoltaicas (um material condutor e isolante que pode mudar seus aspectos de condução elétrica de forma descomplicada). Elas têm mais cargas positivas de um lado e mais cargas negativas do outro. Os raios solares provocam a inversão da carga negativa. A corrente elétrica é o movimento dos elétrons.
Aliás, o sol brilha sobre os painéis fotovoltaicos, mas a corrente produzida é muito baixa para alimentar seus aparelhos domésticos. Portanto, ela passa por um inversor, que troca a tensão para 127 ou 220 V.

Como instalar e usar a energia solar?
Empresas especializadas instalam o sistema. Inicialmente é interessante criar um orçamento de acordo com o melhor modelo fotovoltaico com base no consumo. Há duas alternativas:
• Off grid: as baterias que são recarregados durante o dia fornecem energia noturna.
• On grid: a rede elétrica se mantém ligada a empresa de energia local
Aliás, existe um sistema de armazenamento que envia a abundância de energia para a concessionária. Isso assegura o fornecimento à noite e possibilita o consumo.
Esta energia extra gerada enviada para concessionária torna-se um bônus de cinco anos que você pode usar por uma taxa mensal mínima.
Por fim, devido ao alto custo das baterias, o modelo fora da rede ainda é raramente utilizado em residências.

Qual o custo da energia solar?

A instalação de um sistema solar fotovoltaico depende dos padrões de consumo de energia.
Os preços para uma família de quatro pessoas variam de R$ 16,5 mil a R$ 18.500. O total inclui suporte, instalação, projeto e equipamento.
Além disso, os especialistas dizem que o sistema tem um retorno do investimento com no mínimo cinco anos ou no máximo 30 anos. O sol é muito bom no Brasil, portanto quatro a cinco anos é a média. Um ou dois anos no Nordeste.
Apartamentos podem usar energia solar?
Os apartamentos também podem utilizar sistemas de energia solar, mas o projeto deve ser compatível com o edifício. Isto atrasa o processo e desencoraja os inquilinos de perseguir suas ideias.
Também é necessário avaliar a adequação do terreno para a instalação eficiente das placas e a criação de uma usina elétrica compartilhada para todos.

Como é a manutenção do sistema de energia solar?
A princípio a fim de evitar problemas como descargas atmosféricas, é importante investir em um bom projeto, com as proteções e aterramentos adequados, mas caso contrário a manutenção de um sistema fotovoltaico é simples.
Recomendamos, que de 6 em 6 meses, ocorra a lavagem dos módulos e verificação dos cabos e conexões.

Como funciona a energia solar quando não há luz?

Primeiro, deve-se afirmar que não há uma resposta única para esta pergunta, pois a resposta do gerador de energia na ausência de eletricidade é altamente dependente do tipo de instalação. Os sistemas em rede, ou conectados à rede, deixam de funcionar completamente por razões de segurança e de regulamentação.
Na ausência de eletricidade, este tipo de sistema avaria e se desliga. Sistemas fora da rede ou isolados, assim como sistemas híbridos, continuam a funcionar carregando as baterias existentes para abastecer a propriedade.
Abaixo discutiremos os vários tipos de sistemas de energia solar.

Sistema de energia solar on-grid
O sistema on-grid é o tipo conectado à rede de distribuição de energia.
Estes sistemas geram excedentes de energia que são injetados diretamente na rede de distribuição e convertidos em créditos de energia para o proprietário.
Durante a noite, o sistema muda automaticamente para o modo standby, dependendo da rede pública de eletricidade.
Créditos de energia extras podem ser usados para reduzir as contas mensais de eletricidade, permitindo a economia de custos. Uma das principais desvantagens do sistema fora da rede é a necessidade de reconectar-se à rede.
Porque um gerador de energia solar ligado à rede deve desligar-se automaticamente quando a rede escurece.
Uma operação normal requer a restauração completa do serviço da rede.
Isto é exigido pelas regras da ANEEL para garantir a segurança dos técnicos que reparam a rede de energia.
A vida dos técnicos poderia estar em perigo se o sistema de energia solar continuasse a gerar eletricidade e a injetá-la na rede. A precaução é válida e necessária, mas também causa uma breve interrupção na operação do sistema de energia solar. Até lá, a propriedade ficará sem energia.

Sistema de energia solar off-grid
Há alguns sistemas de energia que não estão conectados à rede elétrica, tais como sistemas de energia fora da rede elétrica. Estes sistemas são instalados em locais mais remotos onde há pouco ou nenhum acesso a uma rede elétrica, e a única fonte de eletricidade é o sistema de energia solar que foi instalado na propriedade.
À noite, quando não há luz solar, o painel solar não gera nenhuma eletricidade, e é precisamente por isso que um sistema fora da rede requer um banco de baterias para armazenar energia.
O sistema de armazenamento de energia estará encarregado de armazenar a carga de energia que será necessária para abastecer a propriedade durante períodos em que não há geração de eletricidade (à noite, como mencionado acima, ou durante dias muito nublados).
Estes sistemas fora da rede ou isolados devem ser dimensionados adequadamente para que mesmo quando não houver mais luz à noite, as baterias ainda possam fornecer energia suficiente para manter a propriedade funcionando. Caso contrário, a propriedade ficará sem qualquer eletricidade.
Por fim, uma vantagem destes sistemas é que mesmo na ausência de eletricidade e sem conexão a uma rede de distribuição, eles continuarão a funcionar enquanto houver luz solar suficiente para gerar eletricidade.

Sistema de energia solar híbrido
Finalmente, há o sistema híbrido de energia solar, que é uma combinação de uma planta que está conectada à rede e um gerador que está isolado da rede. Como resultado, ele pode ser usado em conjunto com uma rede e uma bateria solar ao mesmo tempo. Nestes casos, a bateria serve como um sistema de backup, o que significa que mesmo que haja uma queda de energia na rede, durante a qual o sistema de energia solar é incapaz de gerar energia, ainda haverá energia suficiente para alimentar a propriedade.
Portanto, com um gerador de energia solar do tipo híbrido, você nunca ficará sem energia até que o distribuidor tenha sido capaz de reparar os problemas e restaurar os serviços ao funcionamento normal novamente.
Aliás, exatamente por este motivo, este tipo de sistema de energia solar está se tornando cada vez mais popular, pois proporciona ao consumidor e a sua propriedade uma independência significativamente maior.

Obrigado por ler. Esperamos que o artigo tenha te ajudado. Ficamos à disposição para maiores esclarecimentos!

Compartilhar:

Faça uma simulação